Empresário é condenado por chamar Xuxa de idiota e louca

HomeNOTÍCIAS

Empresário é condenado por chamar Xuxa de idiota e louca

Presidente da Abiec, Adriano de Barros Caruso, ainda pode recorrer da decisão da Justiça de São Paulo. A informação foi divulgada pelo colunista

Como reduzir sua conta de energia elétrica
Cortaram a luz de casa; como proceder?
Prouni considera duas notas do Enem para inscrições nas vagas do primeiro semestre
PUBLICIDADE

Presidente da Abiec, Adriano de Barros Caruso, ainda pode recorrer da decisão da Justiça de São Paulo.

PUBLICIDADE

A informação foi divulgada pelo colunista Rogério Gentile, do UOL. A Justiça de São Paulo condenou o presidente da Associação Brasileira dos Exportadores de Bovinos e Bubalino (Abiec), Adriano de Barros Caruso, a pagar R$ 30 mil à Xuxa Meneghel. O empresário foi condenado por ter chamado a apresentadora de imbecil, idiota e louca.

Caruso também foi condenado a uma pena de quatro meses de detenção, inicialmente em regime aberto. Ele ainda pode recorrer da decisão.

As ofensas contra Xuxa ocorreram em 2021, após a Rainha dos Baixinhos denunciar maus tratos sofridos por animais de uma granja em Minas Gerais. A loira abriu um processo e alegou que teve sua honra ofendida.

PUBLICIDADE

LEIA TAMBÉM:

Já o empresário alegou que apenas fez um desabafo em um vídeo publicado nas redes sociais.

– Xuxa busca a todo momento denegrir o agro nacional perante a comunidade internacional, em verdadeiro boicote ao consumo da carne bovina e suína do Brasil – disse ele.

Para o juiz Marcelo Andreotti, a reação de Caruso foi “ofensiva, pessoal e desproporcional”.

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

DISCUS: 0