HomeNOTÍCIAS

Taxa de empregabilidade nos três primeiros meses de 2023 atinge pequena alta de 12% na cidade de Araras, SP

Taxa de empregabilidade nos três primeiros meses de 2023 atinge pequena alta de 12% na cidade de Araras, SP

Acompanhar e analisar regularmente os indicadores do mercado de trabalho é essencial para compreender as tendências e tomar decisões adequadas que ben

DLD LOG REVERSA fortalece o esporte local ao patrocinar o União São João no Campeonato Paulista Sub-23
Instagram hackeado faz jovem cair em golpe do investimento no PIX em Araras, SP
Pôr do sol chama atenção pela coloração e beleza, em Araras, SP

Acompanhar e analisar regularmente os indicadores do mercado de trabalho é essencial para compreender as tendências e tomar decisões adequadas que beneficiem a população de Araras/SP.

De acordo com os dados obtidos no Painel de Informações do Novo CAGED, referentes ao período de 2020 a março de 2023, pode-se observar o panorama do mercado de trabalho na cidade de Araras/SP. Esses dados revelam o número de admissões, desligamentos e o saldo positivo ou negativo de empregos durante esse período.

No ano de 2020, a cidade registrou 12.781 admissões e 12.868 desligamentos, resultando em um saldo negativo de 87 desempregados. Esse cenário pode ser atribuído aos impactos da pandemia da COVID-19, que afetou diversos setores econômicos em todo o país.

No ano seguinte, em 2021, houve uma recuperação no mercado de trabalho da cidade. Foram contabilizadas 15.307 admissões e 14.180 desligamentos, gerando um saldo positivo de 1.127 empregos. Esse aumento no número de admissões indica uma retomada gradual das atividades econômicas e uma melhora na situação do emprego em Araras.

Em 2022, o mercado de trabalho continuou apresentando uma tendência positiva. Foram registradas 17.180 admissões e 15.651 desligamentos, resultando em um saldo positivo de 1.529 empregos. Esses números demonstram um crescimento contínuo e um fortalecimento do mercado de trabalho local.

Já nos primeiros três meses de 2023, Araras manteve uma tendência positiva, embora com um saldo menor em comparação ao ano anterior. Em janeiro, ocorreram 1.700 admissões e 1.186 desligamentos, gerando um saldo positivo de 514 empregos. Em fevereiro, foram registradas 1.343 admissões e 1.257 desligamentos, resultando em um saldo positivo de 86 empregos. Por fim, em março, foram contabilizadas 1.696 admissões e 1.688 desligamentos, com um saldo positivo de apenas 8 empregos.

Esses dados indicam que, apesar de um início positivo em 2023, a cidade enfrentou um cenário de menor crescimento e estabilidade no mercado de trabalho nos primeiros meses do ano. Ainda assim, é importante destacar que os números podem variar mês a mês e que a retomada econômica e a criação de novos postos de trabalho continuam sendo um objetivo importante para a cidade.

É fundamental que as autoridades locais e os agentes econômicos estejam atentos a essas informações para desenvolver políticas e ações que estimulem a geração de empregos e promovam a recuperação econômica da região. Acompanhar e analisar regularmente os indicadores do mercado de trabalho é essencial para compreender as tendências e tomar decisões adequadas que beneficiem a população.

LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISCUS: 0