HomeNOTÍCIAS

Senado analisa proposta que aumenta o valor da multa para quem usa o celular ao volante

Projeto de Lei visa aumentar a multa para quem utiliza o celular ao volante, devido aos altos riscos de acidente que a prática causa.Utilizar o

Lula sanciona com vetos lei que determina volta do seguro obrigatório de veículos
Munícipe relata perigo no trânsito com motos que circulam com farol apagado em Araras, SP
Motoristas que não cometeram infrações no último ano podem receber benefícios

Projeto de Lei visa aumentar a multa para quem utiliza o celular ao volante, devido aos altos riscos de acidente que a prática causa.

Utilizar o celular enquanto se dirige aumenta muito o risco de acidentes, por isso existem punições bem graves para quem tem esse hábito. O ato pode colocar em risco a vida do motorista e dos pedestres, pois a atenção é muito reduzida quando dividida com o eletrônico.

Considerada uma infração gravíssima, a multa prevista para esse tipo de condução é de R$ 292,47, além de adicionar sete pontos na carteira. A penalidade é aplicada também quando o motorista utiliza o celular com o carro parado em congestionamento e semáforos.

Ao utilizar o celular no volante, o risco de acidentes cresce 400%, e é por isso que esse tipo de conduta é a terceira causa de morte no trânsito, perdendo apenas para o excesso de velocidade e a embriaguez ao volante.

Hoje, no Brasil, uma média de 28 motoristas são flagrados utilizando o celular enquanto dirigem por hora, e foi pensando nisso que a senadora Maria do Carmo Alves criou um Projeto de Lei para aumentar o valor da penalidade para esse tipo de infração.

Veja também

Acredita-se que o número total de pessoas que cometem este ato seja muito mais alto, porém, uma pequena parcela deles é flagrada. Infelizmente isso contribui para um alto número de acidentes, muitos deles fatais.

A senadora acredita que o agravo das penalidades pode diminuir a prática, já que a ideia é aumentar o valor da multa, para que os condutores tenham mais receio de serem pegos e terem que desembolsar um valor maior.

Acredito que o agravamento da pena tende a diminuir o uso do celular ao volante e, consequentemente, o número de acidentes nas ruas e nas estradas brasileiras”, disse ela.

O PL que está sendo analisado no senado é o nº 2699/2022, que visa alterar a Lei nº 9.503/1997 do Código de Trânsito Brasileiro. Se aprovado, a partir do ano que vem, quem for pego cometendo a infração terá que desembolsar um valor ainda maior.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISCUS: 0