Pé de galinha, asa de frango e demais cortes ficam mais caro

HomeNOTÍCIAS

Pé de galinha, asa de frango e demais cortes ficam mais caro

Após um ano, peças que antes tinham menos procura seguiram exemplos dos cortes nobres e estão custando mais. Pé de galinha, asa de frango e demais co

Aneel autoriza aumento na conta de luz em SP
Aprenda dicas para o botijão render mais
Como calcular a sua inflação pessoal
PUBLICIDADE

Após um ano, peças que antes tinham menos procura seguiram exemplos dos cortes nobres e estão custando mais.

Pé de galinha, asa de frango e demais cortes ficam mais caro. Ir ao supermercado está mais caro. O trabalhador brasileiro tem sentido essa alto diariamente. “Estou assustada com os preços. O valor dos produtos subiram muito”, declarou empregada doméstica Regina Alves.

Leia também:

Contudo o aumento dos preços da carne refletiu nos valores dos cortes de segunda e de terceira. Casa de carnes explicam que pé de galinha, pescoço, carcaça temperada entre outras partes de boi, vaca e porco, obtiveram um aumento de procura e também encareceram.

Aumento

De acordo com dados recebidos pela nossa reportagem, em São Paulo, o pescoço de frango teve elevação de 15,79%. No preço em setembro na comparação dos 12 meses, segundo a consultoria Safras e Mercados. A carcaça temperada de frango subiu 45%, o dorso, 60%. Entre os suínos, a maior alta foi no espinhaço (23,91%). Que é a “coluna” do porco, e na orelha (20%). O pé de frango lidera, com um crescimento de 26% no consumo.

Em São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, Espírito Santo, Rio de Janeiro, confirmaram que essas carnes foram mais vendidas por conta da crise.

De acordo com o empresário Renato Costa o salário da maioria dos brasileiros não é compatível. “Quem recebe apenas um salário mínimo está difícil comer carne. Vamos ser honestos, é preciso migrar e reduzir os gastos. Acho que esse está sendo o pensamento dos consumidores”, relata.

PUBLICIDADE

Abrafrigo

Procurada a Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo) não disponibiliza dados sobre os cortes e a pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) se restringe a carnes de primeira e de segunda ou ao produto como um todo, no caso do frango e porco.

Pé de galinha, asa de frango e demais cortes ficam mais caro

Ir ao supermercado está mais caro

Quem é Abrafrigo

É ma entidade de âmbito nacional que tem por objetivo representar os interesses dos frigoríficos de carne bovina. A sede social fica em Curitiba-PR e tem representação em Brasilia. Atua em vários setores que são afetos à indústria frigorífica, tais como. Comércio internacional, legislação sanitária, de meio-ambiente, relações do trabalho, tecnologia e inovações. Bem como monitora permanentemente a edição de leis. Instruções Normativas, decretos, memorandos e todos os demais temas que tratam, direta ou indiretamente. Da cadeia produtiva da pecuária de corte nacional, oriundos das três esferas de poder: Executivo, Legislativo e Judiciário.

A ABRAFRIGO auxilia as suas empresas filiadas a se habilitarem para diversos países que tem interesse em adquirir carne bovina do Brasil. Além de participar de feiras e exposições ao redor do mundo. Junto com o Ministério da Agricultura elaborar roteiros de visitas e missões estrangeiras ao nosso país, como também nossas visitas ao países importadores. A entidade tem representação na China, hoje o país de maior potencial importador da carne brasileira.

A ABRAFRIGO, além das indústrias diretamente filiadas, também engloba diversos Sindicatos de Indústrias Estaduais que fazem parte do seu quadro de associados.

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

DISCUS: 0