HomeNOTÍCIAS

Moradores da zona leste reclamam de mau cheiro vindo da estação de Tratamento de Esgoto em Araras, SP

Moradores da zona leste reclamam de mau cheiro vindo da estação de Tratamento de Esgoto em Araras, SP

É imperativo que as autoridades competentes investiguem e abordem efetivamente essa questão, buscando soluções que respeitem os direitos e a qualidade

Visita Educativa sobre Sustentabilidade: Escola EMEF Adriano Ademir Lombi na DLD LOG REVERSA em Araras, SP
18/01/2023: Plantão de Polícia com o repórter Beto Ribeiro
Após temporal, Elektro reforça equipes para restaurar energia em Araras, SP

É imperativo que as autoridades competentes investiguem e abordem efetivamente essa questão, buscando soluções que respeitem os direitos e a qualidade de vida dos cidadãos que vivem nas proximidades da ETE.

Há muito tempo, os moradores da Zona Leste da cidade de Araras/SP, têm enfrentado um problema que afeta diretamente a qualidade de vida na região: o mau cheiro proveniente da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) localizada na Avenida Orpheu Manenti, no Parque Tiradentes, operando desde 1998. Os habitantes das proximidades da ETE são os que mais sofrem com essa situação desagradável e persistente.

Para muitos residentes, como Adriana Fogagnoli, a situação tornou-se insustentável. Ela expressou sua frustração, destacando a falta de soluções efetivas para o problema. “Tá difícil achar alguém confiável, moro na leste, e essa ETE não tem mais jeito, o jeito é mudar de bairro. Ninguém, estou dizendo, ninguém consegue arrumar isso aqui, o que está implantado no bairro, não é um canteiro de flores, é uma estação de tratamento de esgoto. Pergunta? Por que não colocaram essa porcaria fedida do outro lado da cidade? Eu mesma respondo. Porquê do outro lado da cidade mora o povo rico, que facilmente entraria na justiça e mudaria essa situação”, comentou Adriana.

Paula Schwartz, outra moradora da região, também compartilhou sua indignação com a situação. “É vir sentir como é a ETE que qualquer um desiste de votar em qualquer um que ele apoie, uma falta de respeito com a zona leste. Quando fizeram essa ETE, já existiam os bairros, estamos cobrando há mais de dois anos e ele não faz nada”, disse Paula.

A insatisfação dos moradores da Zona Leste é compreensível, uma vez que o mau cheiro afeta não apenas o conforto, mas também a saúde e o bem-estar da comunidade local.

LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISCUS: 0