HomeNOTÍCIAS

Homem de 42 anos é morto a facadas e pauladas pelo irmão após discussão em Araras, SP

Homem de 42 anos é morto a facadas e pauladas pelo irmão após discussão em Araras, SP

Crime teria sido motivado após discussão. Autor foi preso pela Polícia Militar na madrugada desta sexta-feira (24).Um homem foi morto a facadas

Aposentados e pensionistas da ARAPREV enfrentam atrasos no pagamento em Araras, SP
Câmara Municipal pode chegar a 19 vereadores em Araras, SP
DATA POVO: População de Araras se manifesta em enquete sobre privatização do TCA. Maioria é favorável à terceirização

Crime teria sido motivado após discussão. Autor foi preso pela Polícia Militar na madrugada desta sexta-feira (24).

Um homem foi morto a facadas e pauladas pelo irmão em Araras (SP) na madrugada desta sexta-feira (24). Uma discussão teria motivado o crime. José Wagner Caetano, de 42 anos, foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

João Diego Caetano, de 33 anos, foi preso pela Polícia Militar. Ele não apresentou advogado, segundo informações do boletim de ocorrência. O homicídio aconteceu pouco depois da meia-noite no Jardim São João, segundo a Polícia Civil.

LEIA TAMBÉM

Uma equipe da Polícia Militar foi chamada para atender a ocorrência de agressão. Ao chegar ao local, os policiais souberam que a vítima havia sido socorrida pelo Resgate do Corpo de Bombeiros.

O homem foi levado para o Pronto-Socorro do Hospital São Luiz, mas chegou ao local sem vida. Testemunhas relataram à PM que autor das agressões estava correndo pela via. Ele foi abordado e, segundo os policiais, confessou que desferiu varias facadas e pauladas na vítima.

Discussão

De acordo com informações do Plantão Policial, o autor do crime preso disse que o irmão sempre agredia o pai idoso e a irmã. Após uma discussão, ele atacou o irmão com pauladas e facadas. A faca usada no crime não foi encontrada. Já o pau foi apreendido.

Segundo a polícia, ambos os irmão já tinham passagens. O autor do crime foi preso em flagrante na Central de Polícia Judiciária e deverá ser transferido para Limeira (SP) onde ficará à disposição da Justiça.

É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo sem prévia autorização do autor. #DigaNãoAFakeNews

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISCUS: 0