HomeNOTÍCIAS

Daniel Alves é detido na Espanha por suspeita de assédio sexual

Atleta foi preso após prestar depoimento em uma delegacia em Barcelona e responde a um processo porque teria assediado uma mulher durante uma festa no

União São João pode conquistar três pontos inesperados após possível suspensão da Matonense por manipulação de resultados pela A3 do Paulista
Brasil aumenta diferença no ranking da Fifa em última atualização antes da Copa
União São João apresenta João Batista para comandar equipe na Segundona do Paulista

Atleta foi preso após prestar depoimento em uma delegacia em Barcelona e responde a um processo porque teria assediado uma mulher durante uma festa no fim de dezembro.

Após a circulação de rumores a respeito da possível prisão de Daniel Alves por acusações de assédio, o jogador brasileiro foi detido pela polícia espanhola nesta sexta-feira, 20. De acordo com a polícia de Barcelona, o atleta responde um processo porque teria assediado uma mulher durante uma festa no fim de dezembro.

Pela manhã, o lateral direito se apresentou voluntariamente e prestou depoimento a uma delegacia de polícia, quando foi detido preventivamente para ficar à disposição judicial, de acordo com a rede de TV espanhola RTVE. O processo foi originado pela denúncia de uma mulher que estava na mesma festa que o jogador no dia 30 do mês passado. De acordo com ela, Alves teria a seguido ao banheiro e tocado suas partes íntimas sem permissão.

Câmeras de segurança registraram o momento em que o jogador segue os passos da vítima até o banheiro, segundo o jornal espanhol El Taquígrafo. Após o ocorrido, funcionários da boate chegaram a acionar a polícia, mas o jogador logo deixou o local. A polícia abriu um inquérito para investigar o caso e, há dez dias, denunciou o jogador à Justiça, que também abriu uma investigação própria.

Veja também

Em entrevista a um programa de TV espanhol, o ex-jogador do Barcelona negou as acusações: “Eu estive nesse lugar, e quem me conhece sabe que eu adoro dançar, mas sem invadir o espaço de ninguém, respeitando os espaços. E quando você vai ao banheiro, não tem que perguntar quem está lá para usar o banheiro.

Não sei quem é essa senhorita, nunca a vi. Nestes anos todos, nunca invadi o espaço de ninguém sem autorização”. O atleta também denunciou danos que o ocorrido teria causado à sua família. Após a denúncia, a esposa do lateral, Joana Sanz, chegou a excluir o Instagram, mas já restabeleceu sua rede social, onde agradeceu as mensagens de apoio de seguidores.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISCUS: 0