Copa do Mundo começa com Catar e Equador; Brasil estreia em 24 de novembro contra a Sérvia

HomeNOTÍCIAS

Copa do Mundo começa com Catar e Equador; Brasil estreia em 24 de novembro contra a Sérvia

Definidos os grupos da Copa do Mundo do Catar. Os sete primeiros colocados no ranking da Fifa mais o país sede são os cabeça de chave dos grupos.

Brasil vai à Tóquio enfrentar o Japão em amistoso em junho
Fifa suspendeu a Federação de Futebol da Rússia
Galvão Bueno se despedirá da TV Globo, após 41 anos
PUBLICIDADE

Definidos os grupos da Copa do Mundo do Catar. Os sete primeiros colocados no ranking da Fifa mais o país sede são os cabeça de chave dos grupos.

PUBLICIDADE

Os três últimos classificados para a Copa do Mundo vão sair de confrontos em jogo único em junho, entre Costa Rica e Nova Zelândia; País de Gales e Escócia ou Ucrânia; e Peru e Austrália ou Emirados Árabes.

No A, o Catar estreia contra o Equador e enfrenta depois Senegal e Holanda.

Inglaterra e Irã abrem o grupo B, que também tem Estados Unidos e o vencedor do playoff da Europa.

Argentina enfrenta, na chave C, Arábia Saudita, México e Polônia.

No D, a França terá pela frente o vencedor do playoff do Peru, Dinamarca e Tunísia.

PUBLICIDADE

A Espanha pega no grupo E o vencedor do playoff da Costa Rica, Alemanha e Japão.

No F, a Bélgica terá pela frente Canadá, Marrocos e Croácia.

LEIA TAMBÉM:

Na chave G, o Brasil estreia contra a Sérvia. No dia 28 pega a Suíça e encerra a fase de grupos contra Camarões em 2 de dezembro.

E por fim, no grupo H, Portugal que passou pela repescagem, joga com Gana, Uruguai e Coréia do Sul.

Além da tetracampeã Itália ter ficado de fora do Mundial, a ausência de alguns craques também chama a atenção: Haaland (RÁLAN) da Noruega; Ibrahimovic da Suécia; Saláh do Egito; Cuadrado e Luiz Díaz da Colômbia; e Aléxis Sanchez e Vidal do Chile, entre outros.

A Copa do Mundo do Catar acontece entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro. O jogo de estreia entre Catar e Equador será às 7 da manhã, no horário de Brasília.

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

DISCUS: 0