Até a salada? Alfaces estão mais caras em SP

HomeNOTÍCIAS

Até a salada? Alfaces estão mais caras em SP

Calor e umidade prejudicaram produção e ocasionaram perda de mercadorias. Até a salada? Alfaces estão mais caras em SP. Produtores consultados pe

Salário mínimo pode ir a R$ 1.210 em 2022
Saiba quando será feito o pagamento do PIS/Pasep 2020/2021
Autorizado o saque do benefício do Vale Gás no valor de 300 reais
PUBLICIDADE

Calor e umidade prejudicaram produção e ocasionaram perda de mercadorias.

PUBLICIDADE

Até a salada? Alfaces estão mais caras em SP. Produtores consultados pelo Hortifruti/Cepea de Mogi das Cruzes e Ibiúna, no interior de São Paulo, informaram que o calor e a umidade elevada dos últimos dias favoreceram a incidência de fungos e bacterioses nas roças do interior da região.

Leia mais:

Portanto, o que prejudicou a qualidade das alfaces e acarretou, consequentemente, na perda de mercadorias.

PUBLICIDADE

Diante da demanda enfraquecida, a oferta da folhosa aumentou e pressionou os valores comercializados. Em Mogi, o valor da alface crespa fechou a semana com média de R$ 16,94/cx com 20 unidades.

A alface americana comercializada na mesma praça, fechou a R$ 17,25/cx com 12 unidades a média.

Em Ibiúna, as médias foram de R$ 12,62/cx com 20 unidades para a crespa, de R$ 10,25/cx com 20 unidades para a lisa, e de R$ 17,41/cx com 12 unidades para a americana.

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

DISCUS: 0